Home / Tuning / Hot Rods – Tunings Clássicos

Hot Rods – Tunings Clássicos

Falamos no último post sobre Tuning do Ricer Look, aquele monte de pinturas chamativas e instalação de peças exageradas que tanto causam polêmica. Visualmente falando, são bonitos, mas existe um outro tipo de Tuning que consegue unir a beleza exterior, com suas pinturas arrojadas e adaptações, com um capricho interior, transformando clássicos em potentes máquinas. Hoje falaremos de Hot Rods.

Hot Rods: tornando o clássico mais modernos

Os Hot Rods é considerado de longe o mais complicado, porém o mais recompensador dos modelos de Tuning. O desafio nos Hot Rods é pegar veículos clássicos e tuná-los completamente, desde adição de motores de 450 cv de potência a pinturas Pinstripping, os famosos “carros em chamas”. Até aí, nada que difere tanto de uma tunagem normal.

O que os Hot Rods realmente trazem de especial é que os tais veículos clássicos são carros das décadas de 30 e 40, como o Chevy 1938, Ford 1933, Ford T-Bucket, e tantos outros. Algumas versões também incluem veículos como o Fusca 66 e o Camaro Vintage, mas a joia está nos antigos.

Hot Rods

Existem duas grandes dificuldades na customização no estilo Hot Rods. Uma delas é a adaptação dos veículos clássicos: produzidos em uma época sem grandes recursos tecnológicos, por vezes estes veículos precisam passar antes por toda uma adição de peças inexistentes, como suspensão, rodas e chassi, por exemplo. Isto sem contar os motores potentes que eles recebem.

A segunda dificuldade é derivada destas adaptações: o preço. Customizar no estilo dos Hot Rods é um processo caro e demorado. Os melhores mecânicos e equipes podem levar até 3 anos para completar a tunagem, mais pela demanda do que pela dificuldade técnica, e os preços podem chegar até R$ 50.000. Isto sem conta a compra do próprio veículo clássico, que já é bem caro.

Aqui no Brasil esta prática não é muito frequente. Os poucos veículos conhecidos acabam como Show Cars, já que mesmo com as modificações, acabam não sendo autorizados a se locomover nas ruas. Aliás, são nas exposições que vemos o cuidado de seus donos para com os veículos, atualizando o que antes eram considerados velharias. Portanto, se topar com um Hot Rod por aí, respeite-o: com certeza o dono teve muito trabalho para mostrá-lo a qualquer um.

Deixe seu comentário logo abaixo.

Veja também

vela de ignição

Vela de Ignição

Uma vela de ignição trata-se de um dispositivo para o fornecimento de corrente elétrica a partir de um sistema de ignição para a câmara de combustão de um motor de combustão interno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *